Advogado passa mal durante audiência na Justiça Federal em Santarém, e morre no Hospital Municipal

José Delson Oliveira e Sousa que também era músico foi socorrido com vida pelo Samu.
Advogado José Delson morreu aos 66 anos de idade, vítima de parada cardíaca — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Morreu na da tarde desta quinta-feira (7), no Hospital Municipal Dr. Alberto Tolentino Sotelo, em Santarém, oeste do Pará, o advogado José Delson Soares e Sousa, aos 66 anos de idade, vítima de parada cardíaca.

Delson que também era músico, passou mal quando participava de audiência na Vara da Justiça Federal. O Samu foi acionado, fez os primeiros socorros e levou o advogado ainda com vida para o Pronto Socorro Municipal.

A informação foi confirmada ao G1 pelo presidente da Subseção Santarém da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ubirajara Bentes der Sousa Filho.

A família de Delson está tomando as providências para o velório. O local ainda não foi informado.

Nota de pesar da OAB

“É com profundo pesar que a Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Pará e Subseção de Santarém, comunica o falecimento do advogado criminalista JOSÉ DELSON DE OLIVEIRA E SOUSA, ocorrido no início da tarde desta quinta-feira, 7, vítima de parada cardíaca quando participava de uma audiência na Justiça Federal.

Advogado com militância na advocacia criminal e administrativa, atuou por muitos anos nas comarcas de Santarém, Faro e Terra Santa. Além de profissional do Direito, José Delson também era servidor aposentado do Banco do Brasil e músico.

Neste momento de profunda dor e consternação, todos os integrantes do Sistema OAB-PA Subseção de Santarém manifestam solidariedade aos seus familiares e amigos”.

(Blog Agora Notícia )

Fonte G1 Santarém Pará

waldemir

Radialista/Blogueiro,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *