Idoso morre afogado após ônibus descer ladeira e afundar no rio Amazonas

Domingos Almeida aguardava o carregamento de bagagens dentro do ônibus quando o acidente aconteceu.
Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um idoso morreu vítima de afogamento na tarde de terça-feira (11), próximo à comunidade Vila Socorro, no Lago Grande, zona rural de Santarém, no oeste do Pará, após um ônibus que estava estacionado descer uma ladeira e afundar nas águas do rio Amazonas.

Segundo familiares de Domingos Almeida, o idoso tinha quase 70 anos e usava uma muleta para se locomover desde que sofreu um acidente. Na tarde de terça-feira, após o barco Maelisson III – em que o idoso havia viajado de Santarém para o Lago Grande – atracar no porto do “Candinho”, o ônibus já aguardava para levar os passageiros e suas bagagens até as suas comunidades de origem.

“O que nós ficamos sabendo é que o meu tio entrou no ônibus enquanto as pessoas que trabalham no barco acomodavam as bagagens e as mercadorias dos passageiros. Pouco tempo depois o ônibus começou a descer a ladeira e meu tio não conseguiu sair antes do ônibus afundar. As pessoas que estavam lá disseram que os trabalhadores tentaram quebrar o vidro da janela para tirar meu tio, mas não conseguiram. Só no início da noite é que resgataram o corpo já sem vida”, contou Irandi Pedroso Almeida, sobrinha da vítima.

Passageiros que estavam no porto quando o acidente aconteceu relataram em redes sociais que uma menina e um menino também estavam no ônibus no momento em que o veículo começou a descer a ladeira em direção ao rio. A menina teria pulado e foi salva graças a ação rápida do motorista que conseguiu puxá-la. Foi também o motorista do ônibus quem conseguiu pegar o menino pela janela.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Devido à dificuldade de comunicação no local onde aconteceu o acidente, não houve pedido de socorro aos Corpo de Bombeiros.

Domingos Almeida morava na comunidade Boa Esperança, na região do Lago Grande, onde seu corpo foi sepultado na manhã desta quarta-feira (12).

(Blog Agora Notícia )

Fonte G1 Santarém Pará 

waldemir

Radialista/Blogueiro,