Materiais para fossas e banheiros chegam à Correio do Tapará

Terra, quebradinho, cimento, tijolo, ferro e caixas dágua foram enviados de balsa para a comunidade beneficiada pelo Programa Cisterna. Fase de instalação já começou em outras comunidades

“Vai ficar lindo e vai ser de uma utilidade fora do comum” comentou satisfeito o técnico da Sapopema Jorge Oliveira sobre a finalidade do sistema de captação de água e construção de banheiros e fossas na região da várzea em Santarém.

Para implantação do sistema de captação de água e saneamento para 225 famílias da Várzea em Santarém mais de 60 pessoas (engenheiros, pedreiros e ajudantes) estão distribuídas nos PAES: Tapará, Ituqui, Urucurituba, Aritapera e Arapixuna.

Além deles, o projeto conta com a participação efetiva dos próprios comunitários que participam deste a fase de coleta de informações, oficinas e agora etapa prática de instalação.

DSCN9489.JPG

Devido às peculiaridades da região, com período de vazante e cheia dos rios, o projeto original precisou ser readequado visando o bem estar das famílias beneficiadas. É o que explica Oliveira: “as fossas seriam feitas de forma retangular. O engenheiro responsável pela obra verificou a sazonalidade do rio com enchente, vazante e corrente da água muito forte, com o tempo começa a deteriorar a estrutura retangular. Os cantos da fossa começam a ceder, vai quebrando e gera problemas. A gente analisou e ouviu a proposta de alterar o formato da fossa original. Ele sugeriu que a gente colocasse manilhas de concreto. Nós fizemos então a solicitação ao Ministério do Desenvolvimento Social que concordou em fazer essa mudança”.

A outra alteração feita foi no piso do banheiro que originalmente seria com madeira e revestido de borracha antiderrapante. Porém surgiu a preocupação com o possível desgaste da borracha com o tempo. “Substituímos a borracha e o assoalho por concreto armado e revestimento de lajota antiderrapante para que dure mais” – ressalta Oliveira.

O programa

DSCN9496.JPG

Em maio deste ano foi feita a assinatura do programa que faz parte da chamada publica do governo federal por meio do Ministério do Desenvolvimento Social do Programa Nacional ‘Cisterna’ de apoio a capacitação de água da chuva e outras tecnologias sociais de aceso a água.

A intenção é realizar ações de captação de água e promover saneamento, uma vez que os moradores dessas áreas contempladas, não tem nenhum sistema de abastecimento. Em Santarém o programa é coordenado pelo Projeto Saúde e Alegria e executado pela Sapopema.

 Materiais sendo enviados para Correio do Tapará

MATERIAIS SENDO ENVIADOS PARA CORREIO DO TAPARÁ

Blog Agora Notícia 

Fonte SAPOPEMA

www.sapopema.org

waldemir

Radialista/Blogueiro,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *