Delegacia da Mulher investiga tentativa de feminicídio contra servidora da Ufopa

Marido é suspeito do crime. Ufopa emitiu nota de solidariedade à servidora vítima de violência doméstica.
Investigação
Delegacia Especial de Atedimento a Mulher, em Santarém (Foto: Reprodução/TV Tapajós)
SANTARÉM 

Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), em Santarém, oeste do Pará, instaurou inquérito para apurar a tentativa de feminicídio sofrida por uma servidora da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), no dia 23 de agosto.

Poliana Stabenow levou um tiro no rosto quando amamentava a filha de apenas 5 meses de vida. O autor do disparo teria sido o marido da servidora pública, movido por ciúmes.

A delegada Andreza Alves informou que no mesmo dia do crime, esteve no Hospital Municipal de Santarém (HMS), para onde Poliana foi levada logo após a tentativa de feminicídio, para levantar as primeiras informações sobre o caso. “Fui pessoalmente com a delegada Géssica Araruna falar com a vítima no hospital, e o inquérito foi instaurado. Todas as providências em relação ao caso já foram adotadas”, disse.

Segundo a delegada, no mesmo dia do crime, a polícia tentou prender o suspeito em flagrante, mas ele havia fugido. Uma intimação foi deixada com familiares e nesta segunda-feira (27), o marido de Poliana esteve na Deam e prestou depoimento.

Solidariedade

A Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa) por meio de sua reitoria, emitiu nota nesta segunda-feira (27), na qual manifesta sua solidariedade à servidora que foi vítima de violência doméstica, em sua residência, no fim de semana, em Santarém, oeste do Pará.

Segundo a nota de solidariedade, desde que tomou conhecimento do ocorrido, a Ufopa passou a prestar toda a assistência à servidora e a sua família por meio do setor de Assistência Social da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progep), inclusive recebendo em seu gabinete a mãe da servidora.

http://www.agoranoticia.com.br/2018/08/27/prf-apreende-mais-de-900-macos-de-cigarro-e-prende-uma-suspeita-por-contrabando-em-santarem/

Segundo a reitoria da Ufopa, o estado de saúde da servidora é estável. Ela está recebendo atendimento médico e será submetida a uma cirurgia o mais breve possível. “A Ufopa reitera sua solidariedade à servidora e repudia veementemente qualquer tipo de violência contra mulher”.

Blog Agora Notícia 

Com Informações G1Santarem Pa

waldemir

Radialista/Blogueiro,