Remo empata em casa com Náutico e se despede da Série C em

O Clube do Remo se despediu do Campeonato

Fábio Will/Ascom Remo
FUTEBOL

O Clube do Remo se despediu do Campeonato Brasileiro da Série C com um empate em casa, neste sábado (11), contra o Náutico-PE. Em partida de muitas chances e bom público no Mangueirão, Leão e Timbu ficaram igualados no placar de 1 x 1.

Os gols saíram ainda no primeiro tempo de partida. O Clube de Periçá saiu na frente com Dedeco, aos 7 minutos de bola rolando. Aos 23 da etapa inicial, o empate do time pernambucano, com Jimenez. 1 x 1.

O time comandado pelo técnico João Neto terminou a competição na sexta colocação, com 22 pontos, após várias rodadas na zona de rebaixamento. O Leão encerra as atividades em competições oficiais em 2018 e começará a se planejar para a temporada 2019, com início no Campeonato Paraense.

O JOGO

O Clube do Remo começou a partida de maneira bastante intensa. Pressionando a saída de bola do adversário, o Leão dominou os minutos iniciais e criou as principais oportunidades de gol para abrir o placar no Mangueirão.

O primeiro gol da noite não demorou a sair. Em jogada na grande área do Timbu, o atacante Isac dominou no lado direito e tocou rasteiro para Dedeco, que apenas empurrou para o fundo da rede do goleiro Luís Carlos.

Depois do gol, o Leão recuou e a equipe visitante cresceu. O empate do Náutico veio aos 23 minutos, após foguete que explodiu no travessão e sobrou para Jimenez, que teve estilo para finalizar de bicicleta e deixar tudo igual no placar. 1 x 1.

Nos últimos minutos, o Clube de Periçá voltou a ser melhor, mas parou em ótimas defesas do goleiro Luís Carlos, que garantiu o empate até o intervalo.

PLACAR MANTIDO

No segundo tempo, os azulinos começaram de forma cadenciada, recuperando o ritmo da primeira etapa apenas a partir dos 10 minutos. Netão optou por Jayme e deu mais velocidade ao setor ofensivo, que continuava a desperdiçar boas chances.

Em contrapartida, o Náutico esteve bem abaixo da exibição na primeira metade do confronto e apenas esperou o Remo no campo de defesa. Até mesmo os contra-ataques pernambucano era anulado e o domínio territorial foi todo em azul marinho.

Nos instantes finais, as duas equipes ficaram abertas e alternaram bons momentos. O Remo, na base do “abafa” e do calor da torcida, jogou muitas bolas na área, mas pecava na finalização; O Timbu, então, quase virou com Jimenez, em jogada de Ortigoza que o meia chutou forte, mas Vinícius evitou.

Com o título paraense e mantido na Série C para ano que vem, o Clube do Remo agora “entra de férias” e só volta a campo para uma partida oficial daqui a quase 5 meses, em janeiro de 2019. 

Blog Agora Noticia

(DOL)

waldemir

Radialista/Blogueiro,