PM se entrega e confessa ser autor de tiros que mataram mulher dentro de carro em Santarém

Na Seccional, o sargento do GTO disse que atirou no veículo porque um dos ocupantes teria lhe ameaçado com uma arma.
Veículo ficou com várias perfurações de bala após abordagem por dois homens em uma moto (Foto: Adonias Silva/G1)

SANTARÉM-CRIME


O autor dos tiros em um carro tipo gol, que feriram quatro pessoas levando à morte na tarde desta quinta-feira (28), a mulher identificada como Sônia da Silva Viana, 40 anos, é um policial militar. Ele compareceu espontaneamente a 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil de Santarém, no oeste do Pará, e confessou o crime.

http://www.agoranoticia.com.br/2018/06/28/mulher-morre-em-acidente-com-taca-de-vinho-ao-comemorar-vitoria-do-brasil-na-copa/

O PM é sargento do Grupamento Tático Operacional (GTO), mas está afastado da função. Em depoimento, ele disse ao delegado Dmitri Teles que estava indo pra casa da mãe, e um dos integrantes do carro teria mostrado uma arma para ele.

http://www.agoranoticia.com.br/2018/06/28/carro-com-cinco-ocupantes-e-atingido-a-tiros-em-santarem-uma-mulher-morre/

Segundo informações do comandante do GTO, capitão Wilson Chaves, as causas do crime serão apuradas pela Divisão de Homicídios da Polícia Civil e a conduta do policial, pela Corregedoria da Polícia Militar. “Os dois presidentes dos inquéritos vão conversar sobre os procedimentos que serão adotados. Pelo que soubemos, policial teria sido ameaçado com um arma por um dos ocupantes do veículo que ele reconheceu que já tinha sido preso por ele em uma ocasião, e reagiu à ameaça”, disse.

Estado de saúde

As vítimas estão sendo avaliadas no Hospital Municipal de Santarém (HMS), sendo que, a adolescente, de 14 anos, está na sala de reanimação do HMS.

Blog Agora Noticia

Com Informações G1Santarem -Pa

waldemir

Radialista/Blogueiro,