Perícias divulgadas no Jornal Nacional põem fim ao governo Temer

 


globo destroi temer


Acabou. Para o bem ou para o mal, acabou. Fim de linha para Michel Temer. E o mais irônico é que quem pôs fim ao horror do atual governo foi justamente o veículo de comunicação que mais contribuiu para que PMDB e PSDB tomassem o poder.

No sábado, Temer se agarrou como um náufrago a “perícia” encomendada pelo jornal Folha de São Paulo que afirmava que teriam sido feito dezenas de “cortes” e “edições” no áudio em que o presidente conversa com Joesley Batista de forma quase clandestina.

capa folha

À tarde de 21 de maio, o presidente convocou rede nacional de rádio e tevê na qual pediu suspensão do inquérito aberto contra si no Supremo Tribunal Federal e denunciou que havia sido montada uma farsa contra si, com a esquisitíssima colaboração da Folha de São Paulo.

Tudo parecia caminhar para um acordão para manter Temer no cargo. À noite, o Jornal Nacional começou noticiando a versão temerária. O Blog, como tantos outros, supôs que, como a mídia grande age sempre de comum acordo, e  como as reformas anti trabalhistas de Temer agradam essa mídia, o telejornal da Globo trataria de ajudar a enterrar a relação vergonhosa do presidente com o bandido chamado Joesley.

Foi um agradável engano. Ninguém pode afirmar exatamente por que a Globo, de repente, resolveu fazer jornalismo em uma edição histórica do Jornal Nacional que não aliviou para ninguém, mas, com o dizem, a cavalo dado não se olha os dentes.

É óbvio que, como não poderia deixar de ser, a Globo misturou as acusações sem provas de Joesley contra Lula e Dilma com as acusações provadas cabalmente contra Temer e Aécio Neves, mas quem tem discernimento vai perceber que, até agora, só o presidente da República e o agora ex-presidente do PSDB é que foram denunciados com provas.

A Globo apresentou várias perícias que mostram que NÃO HOUVE edição alguma das falas de Temer que configuram crimes que vão de corrupção a prevaricação.

As várias perícias apresentadas pelo JN mostram Temer com as calças na mão. As perícias reconstituíram os diálogos e, segundo o telejornal, mostram, cabalmente, que o presidente não só apoiou o pagamento de propina a Eduardo Cunha para ele ficar calado como, também, apoiou a confissão de Joesley Batista de que subornou juízes e procuradores.

Esta página vem combatendo as práticas anti jornalísticas da Globo e do próprio Jornal Nacional faz anos, mas, como nunca ocorreu antes, a edição desse telejornal do último sábado não só merece ser assistida na íntegra como, também, deve ser divulgada para que as pessoas entendam quão vergonhosos são os crimes cometidos pelo homem que governa o país.

Com vocês, a edição do Jornal Nacional que dificilmente deixará de desencadear a queda do atual governo. E que merece apoio, pois mostra como jornalismo de verdade pode ajudar o Brasil.

 

POST : WALDEMIR SANTOS

INFO : BLOG DA SIDADANIA

waldemir

Radialista/Blogueiro,