Hospital Regional em Santarém realiza primeira cirurgia cardíaca no interior do PA

 


Mãe Heritânia de Sousa comemorou a vitória junto com o filho, a quem acompanhou de perto (Foto: Ascom/HRBA)

Mãe Heritânia de Sousa comemorou a vitória junto com o filho, a quem acompanhou de perto (Foto: Ascom/HRBA)

Um adolescente de 14 anos foi a primeiro paciente a passar por uma cirurgia cardíaca no Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA), em Santarém, oeste do Pará. Ele foi submetido ao procedimento em razão de uma cardiopatia congênita chamada de Comunicação Interatrial (CIA), uma abertura na parede muscular que permite a passagem do sangue do átrio esquerdo (cavidade do coração) para o direito. Ele já recebeu alta, segundo o hospital.

A alta hospitalar foi autorizada na tarde de quinta-feira (30), sob um clima de festa tanto para a família do adolescente, quanto da equipe do hospital. “Fizemos toda a composição da estrutura para conseguir tratá-lo aqui mesmo. Esse é o primeiro passo para a autonomia da região oeste do Pará no que concerne ao tratamento de pacientes com problemas cardiológicos, que até então tinham que se deslocar para Belém caso necessitassem de cirurgia”, explica o cirurgião cardíaco Renê Augusto Gonçalves.

A mãe do menino, Heritânia Sousa, de 39 anos, comemorou a vitória junto com o filho. Ela acompanhou todo o processo de perto. Ela disse que o filho precisava da cirurgia há muito tempo. “Ele estava muito debilitado, porque o tempo ia passando e a situação só piorava. Quando o médico falou que ia fazer o possível para realizar o procedimento aqui no Regional, foi como se nossas preces finalmente tivessem sido ouvidas. Meu coração se encheu de esperança”, afirmou.

O paciente agora passa bem. Ele relembrou atividades que antes era difícil e celebrou com emoção a tão esperada cirurgia. “Antes eu queria brincar com meus irmãos, mas não conseguia. Tinha dificuldade para respirar, sentia muita falta de ar, cansava rápido com o menor esforço. Agora, se Deus quiser, eu vou ficar livre de tudo isso e poder fazer tudo o que tinha vontade. Sei que agora tudo vai ficar bem e agradeço muito ao médico e ao hospital pelo o que fizeram por mim”, relatou.

A intenção do Hospital Regional é expandir o serviço em Santarém, afim de melhorar a qualidade de vida da população, fora da capital. “Essa foi a primeira cirurgia cardíaca realizada em nosso hospital, e embora seja um serviço que ainda está em fase de consolidação, o sucesso desse procedimento demonstrou claramente que temos condições de assumir essa demanda e nos tornar uma referência também nessa área”, afirma o diretor geral Hebert Moreschi.

Para o secretário de saúde do estado, Vitor Mateus, o HRBA já desenvolve um trabalho referenciado e amplamente reconhecido, inclusive com prêmios concedidos por entidades credenciadas a avaliar práticas de gestão em saúde. ”Tivemos a felicidade de garantir a um menino a chance de ter uma nova vida e realizar tudo o que sempre quis, como é direito de toda criança. E isso é mérito de um grupo de profissionais que encara com dedicação e coragem os desafios diários”, declarou.

A partir desta primeira cirurgia, uma série de avaliações será realizada para verificar os investimentos necessários à implantação definitiva do serviço.

POST:WALDEMIR SANTOS

INFO: DO G1 SANTARÉM

Colaborou Joab Ferreira, do HRBA em Santarém

waldemir

Radialista/Blogueiro,