Estudante é achada morta em área de mata na Zona Oeste de Manaus

Foto: Indiara Bessa/G1 AM)


Braços e pernas de jovem estavam amarrados.
Menina estava com farda de escola e aparenta ter entre 15 e 17 anos.

O corpo de uma menina foi encontrado dentro de um saco na tarde desta quarta-feira (1º) em uma área de mata no bairro Compensa II, na Zona Oeste de Manaus. Segundo a Polícia Militar, o corpo estava com mãos e pés amarados e em estágio de decomposição. A vítima trajava farda escolar e aparentava ter entre 15 e 17 anos.

O escultor Carlos Nascimento é morador da área e encontrou o corpo por volta das 15h. “Todos os dias eu passo por aqui. [Nesta quarta] eu passei por volta das 4h e não vi nada de estranho. Quando passei às 9h já tinha um papelão jogado e tinha um cheiro forte, mas pensei que fosse algum animal morto”, contou.

Segundo Carlos, o cheiro no local voltou a incomodar quando ele passou no local por volta das 15h. “Parei de novo e me aproximei, foi quando eu vi o rosto da moça. Ela estava em posição fetal e deu a impressão de estar com os braços amarrados”, informou.

LEIA TAMBEM 

DESCONHECIDO É MORTO NO MEIO DA RUA EM ANANINDEUA

O morador acionou a PM, que atendeu a ocorrência. Segundo informações da 8ª Companhia Interativa Comunitária (8ª Cicom), o corpo era de uma jovem ainda não identificada. Ela estava com braços e pernas amarrados, e não tinha sinal aparente de agressão. A vítima ainda vestia a farda cinza de uma escola. Segundo a perícia criminal, a menina já estava morta há cerca de 72 horas.

A perícia da Polícia Civil esteve no local. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.

POST:WALDEMIR SANTOS

DO:G1 AM

waldemir

Radialista/Blogueiro,