Sesma prorroga avaliação médica obrigatória para o Bolsa Família Prazo final era até nesta quinta, 29.

 

jl1_2912_bolsafamilia-1Novo prazo vai até o dia 17 de janeiro.

Apenas 19 mil das 90 mil famílias cadastradas realizaram a avaliação.


Sesma prorroga avaliação médica obrigatória para os beneficiários do programa Bolsa Família
A Secretaria Municipal De Saúde de Belém (Sesma) divulgou nesta quinta-feira (29) que o prazo para a avaliação de saúde obrigatória dos beneficiários do programa Bolsa Família, do Governo Federal, foi prorrogado até o dia 17 de janeiro de 2017.
Esta é a segunda vez que a Sesma anuncia a prorrogação do exame. O prazo inicial iria até o dia 20 de dezembro de 2016, mas foi prorrogado até esta quinta-feira. Como apenas 19 mil das 90 mil famílias cadastradas no Bolsa Família em Belém realizaram a avaliação obrigatória, cerca de 78% das famílias cadastradas deixariam de receber o repasse do Governo Federal caso fosse encerrado hoje as avaliações.
O procedimento está sendo realizado em todas as unidades de saúde da capital, mas quatro delas funcionam em regime de plantão: as do Tapanã, Marambaia, Telégrafo e Guamá. São avaliados o estado nutricional, se as vacinas das crianças estão em dia e também é feito o acompanhamento do pré-natal das gestantes.

INFO:G1PÁ

POST:WALDEMIR SANTOS

waldemir

Radialista/Blogueiro,